Arquivo do mês: julho 2012

M’BOIÚNA (sete serpes linossígnicas)

Medusa ( imagem Google) Desdobra-se em dobras, redobras, por vértices e vórtices, um ser de mil bocas mil línguas [in/tensa-cobra-mítica] Quando acuada, estertora prosódias,                                             [sucuri-fônica] Debate-se em rimas, plurirrimas assimétricas     [áspide-rítmica]  …………………………………………. Tenta escapar do cerco              [serpe-sintática] … Continuar lendo

Publicado em Outros temas | Marcado com | Deixe um comentário